terça-feira, 13 de março de 2012

Exterminamos um cançer do futebol brasileiro

Um dos maiores críticos a gestão de Ricardo Teixeira na Confederação Brasileira de Futebol (CBF) e no Comitê Organizador Local (COL), Romário, atualmente deputado federal (PSB-RJ) celebrou a saída do dirigente após 23 anos, através de sua página do Facebook.
 
- Hoje podemos comemorar. Exterminamos um câncer do futebol brasileiro. Finalmente, Ricardo Teixeira renunciou a presidência da CBF. Espero que o novo presidente, João Maria Marin, o que furtou a medalha do jogador do Corinthians na Copa São Paulo de Juniores, não faça daquele ato uma constante na Confederação. Senão, teremos que exterminar a AIDS também – comentou. 
 
Apesar de comemorar a saída de Teixeira, Romário continua desacreditado sobre os rumos que tomarão a entidade daqui para frente.

- Desejo boa sorte ao novo presidente e espero que a partir de hoje (acho muito difícil e quase impossível) a CBF dê uma nova cara para o nosso futebol – continuou.  

0 comentários:

Postar um comentário